Acesse o novo WebMail Fetrafi-RS
WebMail Fetrafi-RS
   Início        A Fetrafi-RS         Diretoria         Estrutura         Sindicatos         Sistemas Fetrafi-RS    
Porto Alegre, 01\06\2020
Últimas Notícias
Banco do Brasil cria plano de cargos e salários sem consultar comissão de funcionários
Compartilhe esta notícia no Twetter
Envie esta notícia por E-Mail
Bancos | 04/02/2020 | 15:02:21
Banco do Brasil cria plano de cargos e salários sem consultar comissão de funcionários
Representante da Fetrafi-RS classifica Programa como “perverso” ao nivelar por baixo e reduzir salários e direitos dos futuros comissionados
 
 
O Banco do Brasil surpreendeu aos seus funcionários nesta segunda-feira, 3 de fevereiro, com o anúncio de medidas que vão alterar a forma de remuneração na instituição. A alegação é de que os ganhos dos funcionários serão potencializados, a partir do desempenho de cada um. Na prática, o Programa Performa (nome dado pelo banco à série de medidas), cria um novo plano de funções sem negociação com as representações dos trabalhadores.
Em videoconferência entre a Comissão de Empresa dos Funcionários do Banco do Brasil (CEBB) e o Banco, nesta segunda-feira, as Dipes e Gepes estaduais explicaram os principais pontos do Programa.
A partir da conversa, a diretora do SindiBancários Porto Alegre e Região e representante da Fetrafi-RS na COE do BB, Bia Garbelini, concluiu que o Banco do Brasil, mais uma vez, optou por um caminho "perverso”, ao nivelar os funcionários por baixo, reduzindo salários e direitos dos futuros comissionados e impondo uma remuneração variável sem negociação com o movimento sindical. Prova disso que o PDG contempla apenas 40% dos funcionários, sendo que a premiação máxima, na faixa de 1,5 a 2 VR’s, vai atender somente 5%.

"Novamente, o banco institucionaliza a competição e o individualismo entre funcis, divide as equipes em novos e antigos e traz mudanças que beneficiam somente executivos e diretores”, afirma Bia. Segundo ela, preocupam, também, os impactos das reduções nos resultados da Cassi e Previ. Na GDP, apesar de uma aparente melhora nos processos avaliativos, será preciso acompanhar a questão de perto para garantir que não haja distorções que prejudiquem os funcis.

Plano de funções


Veja as novidades do plano de funções:

• Cargos que tiveram o VR reduzido: atuais comissionados mantém a remuneração e quem for nomeado a partir de agora entra na regra nova de remuneração;
• Cargos que tiveram o VR elevado (apenas Ger. Rel. PAA/Private/Corporate Upper Middle/Hunter): já serão contemplados a partir de agora;
• O módulo avançado da gerência média é descontinuado imediatamente, mas será mantido para quem já está avançado;
• É criada a VTVF (Verba Temporária Variável de Função), em substituição ao VR, a qual farão jus os comissionados atuais. A verba é de caráter pessoal, natureza salarial e mantém reflexos nas férias, INSS, Cassi e Previ, sem prejuízo dos adicionais de mérito;
• Carreira em Y: Criação dos cargos de especialista I, II e III para funções técnicas, com equiparação salarial aos cargos gerenciais (no momento aplicado à sede);
• Ditec: Extinção das funções de Analista de TI (FG) e criação das funções de Assessor de TI (FC). Os atuais já estão nomeados, porém a posse depende da anuência dos funcis mediante assinatura do termo de função de confiança no prazo de 60 dias. Quem não aceitar entra em VCP por 120 dias;
• Demais funções na Sede: Criação dos Cargos de Assessor I, II, III e Trainee.
 

Programa de Desempenho Gratificado


O Programa de Desempenho Gratificado (PDG) trará mudanças já a partir do segundo semestre deste ano:

• Passa a ter como público-alvo 100% do quadro funcional;
• Área negocial: até 2 Valores de Referência (VR’s)
• Demais áreas: até 1,5 VR

O regulamento do PDG será definido ao longo do primeiro semestre. Para os novos participantes, serão considerados pré-requisitos, indicadores, metodologias de aferição de desempenho, de grupamento, de classificação e de premiação. Segundo o coordenador da CEBB, João Fukunaga, "o movimento sindical denunciou as regras nada claras para esta remuneração variável, mas o banco se recusa a negociar esse programa”.
 

Gestão de Desempenho de Pessoas

Além dos parâmetros e métricas já definidas na Gestão de Desempenho de Pessoas, o banco implementará outras ações para a gestão do desempenho dos funcionários pelos gestores e ainda traz como suposta inovação as análises e tratamentos posteriores aos conceitos atribuídos. Segundo o banco o objetivo é minimizar a adoção de critérios distintos entre os diferentes avaliadores.

A maioria das medidas passa a valer já neste primeiro semestre, como a mudança no Plano de Desenvolvimento de Competências (PDC), que agora é direcionado somente aos funcionários que apresentaram necessidade de aprimoramento no semestre anterior. A partir de março, o PDC ficará disponível na UniBB (Mapa de Carreira), sem necessidade de ciência do gestor.

Seguem as mudanças:

• Calibragem automática do placar: desempenho será recalculado com base na média dos conceitos atribuídos pelos avaliadores;
• Acordo de desenvolvimento para funcis que apresentarem lacunas, com feedback de aprimoramento no trimestre, evitando deixar a anotação para final do ciclo da GDP;
• Avaliação trimestral de acompanhamento, mantendo a avaliação oficial no fim do semestre, com o objetivo de ampliar a prática do feedback;
• Integração do Plano de Desenvolvimento de Competências com a Unibb (Mapa de Carreira).

*Com informações da Contraf-CUT
 
 
Conteúdo    
 
 
 
Bancos | 29/05/2020
COE Itaú apresenta denúncias ao banco
O banco Itaú ficou de apresentar respostas na próxima reunião, marcada para 9 de junho
Bancos | 28/05/2020
Fetrafi-RS e sindicalistas se reunem com Banrisul e apresentam reivindicações dos banrisulenses
Representantes dos empregados do Banco estão preocupados com o cumprimento de protocolos de saúde e cobrança de meta
 
 
  Serviços
Acordos e Convenções
Enquetes
Conquistas
Acesso Restrito Interno à Fetrafi-RS
Informativos da Fetrafi/RS
Minutas de Reivindicações
Notas Jurídicas
Ações Trabalhistas Fetrafi/RS
Moções aprovadas em eventos
 
 
Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Instituições Financeiras RS
Rua Cel. Fernando Machado nº 820
CEP 90010-320 - Bairro Centro Histórico - Porto Alegre, RS
Fone: (51) 3224-2000 | Fax (51) 3224-6706

Copyright © 2010 Fetrafi. Todos os direitos reservados.
 
Desenvolvimento IDEIAMAIS - Agregando Valor