Acesse o novo WebMail Fetrafi-RS
WebMail Fetrafi-RS
   Início        A Fetrafi-RS         Chat Jurídico         Diretoria         Estrutura         Sindicatos         Sistemas Fetrafi-RS    
Porto Alegre, 21\11\2018
Últimas Notícias
Banrisul volta a registrar crescimento do lucro líquido e aponta tendência de recorde
Compartilhe esta notícia no Twetter
Envie esta notícia por E-Mail
Bancos | 16/08/2018 | 18:08:30
Banrisul volta a registrar crescimento do lucro líquido e aponta tendência de recorde
Banco fechou os primeiros seis meses do ano com R$ 505,9 milhões, o que reafirma que é um banco sólido e sustentável.
 
Os defensores da austeridade. Aqueles governadores que não veem nenhuma luz no fim do túnel para saída de crises financeiras que são menores que a propaganda de ocasião apregoa, devem ter tido um dia difícil nesta terça-feira, 14/8. Isso porque a diretoria do Banrisul divulgou lucro líquido do primeiro semestre do ano superior em 60% ao mesmo período do ano passado. O Banrisul fechou os primeiros seis meses do ano com R$ 505,9 milhões, o que reafirma que é um banco sólido, sustentável e que não precisa ser privatizado para tirar o Rio Grande do Sul de crise. Ao contrário, sua privatização aprofundaria a crise das finanças públicas do Estado.
Durante a divulgação do balanço, feita na manhã desta terça-feira na sede da instituição, em Porto Alegre, outro fator positivo apresentado pelos representantes do banco foi o da diminuição da inadimplência em 1,38%. O balanço foi apresentado pelo presidente Luiz Gonzaga Varas Mota. Segundo ele, os próximos resultados devem ser ainda melhores em função da retomada de crescimento econômico que vem ocorrendo. "A gente atravessou essa crise com segurança, com expansão dos negócios, crescimento nas receitas e serviços. Também fizemos um trabalho muito forte nas inadimplências e recuperação de créditos para que o banco venha produzir esse caminho”, disse.

O presidente do SindBancários, Everton Gimenis, disse estranhar as declarações efusivas do presidente do Banrisul. Isso porque ele faz parte de uma diretoria que tem, é verdade, trabalhado bastante para o Banrisul crescer, mas que tem também reduzido o tamanho do Banrisul e sua importância. "Vejo o tamanho do lucro do Banrisul e percebo que ele poderia ter sido até maior se a atual diretoria não fechasse agências fora do Estado e aqui dentro. Talvez pudesse ser ainda maior se esta diretoria, junto com o governo Sartori, não vendesse ações em dois leilões na Bolsa de Valores. Leilões, aliás, que está sendo investigados até pela Polícia Federal”, avaliou Gimenis.

Para o presidente do SindBancários, esse crescimento do lucro líquido do Banrisul mostra uma história consolidada de um banco que faz 90 anos em 12 de setembro próximo. E que não precisa ter um centavo de suas ações e de seu patrimônio vendido. Esse lucro, aliás, é resultado do trabalho dos Banrisulenses. Que a diretoria reconheça isso e venha para a mesa de negociação amanhã (quarta-feira, 15/8) disposta a reconhecer o valor de cada um dos colegas. Mesmo com menos bancários, por causa de PDVs, e mais trabalho, os Banrisulenses foram capazes de buscar esse resultado. Os trabalhadores estão de parabéns”, acrescentou Gimenis.

Patrimônio líquido

O patrimônio líquido, por sua vez, chegou a R$ 7 bilhões em junto de 2018 no Banrisul, de acordo com o balanço. A cifra supera em R$ 431,9 milhões (6,5%) a posição obtida no mesmo mês em 2017. O crescimento também pôde ser percebido nos ativos totais. O saldo foi de R$ 75,3 bilhões no primeiro semestre deste ano. Ao todo, os recursos captados e administrados pelo Banrisul em junho foram de R$ 63 bilhões, com expansão de 6,1% em 12 meses. O resultado se deu, principalmente, pela carteira comercial que teve um saldo de R$ 22,9 bilhões.

Rede Vero

Um dos destaques feitos pelo presidente do Banrisul foi a rede Vero, que, segundo ele, representou 25% do resultado do banco. No primeiro semestre deste ano, foram registradas 145,1 milhões de transações de débito e crédito, o que chega a um valor de R$ 12,4 bilhões – 17,1% de crescimento no comparativo com o mesmo período de 2017. Ao todo, o primeiro semestre foi encerrado com uma base de 990 mil cartões de crédito nas bandeiras Mastercard e Visa. Foram 29,8 milhões de transações que totalizaram volume de R$ 2,5 bilhões.

Foco na segurança das agências

A segurança, devido aos sucessivos ataques a agências bancárias pelo Estado, tem sido foco de investimentos do Banrisul. Durante a apresentação do balanço financeiro, o presidente Luiz Gonzaga Veras Mota disse que diversas medidas têm sido implementadas e que, até o final de 2019, toda a rede deve ter as chamadas cortinas de névoa instaladas.

Ao todo, o banco conta com 496 agências no Rio Grande do Sul. Os dispositivos de fumaça, utilizados para dificultar as tentativas assaltos, têm um custo de instalação de aproximadamente R$ 10 mil cada um, segundo o presidente do Banrisul. Por enquanto, ainda de acordo com ele, o número de agências já equipadas é acima de cem. "Nós estamos investindo com a tintura das cédulas que faz parte do processo de segurança.

Além disso, as cortinas de aço e a névoa de gelo que vai ser acionada durante avariação de algum caixa eletrônico”, complementou Mota. A principal necessidade para prevenir os assaltos é física. De acordo com o presidente do Banrisul, o seguro bancário é uma possibilidade que apresenta mais prejuízo do que benefícios.

Fonte: Imprensa SindBancários, com Correio do Povo
 
 
Conteúdo    
 
 
 
Bancos | 19/11/2018
Nota de repúdio: ao apagar das luzes, ministro de Temer volta a ameaçar Banrisul público
Representantes sindicais entrarão em contato com o governador eleito do RS para conversar sobre o compromisso de campanha de não vender o banco público dos gaúchos.
Bancos | 14/11/2018
Resultado da Caixa surpreende e mostra banco sólido, mas que vem diminuindo investimentos no País
Com papel social reduzido e estratégias agressivas de mercado, instituição lucrou mais de R$ 11 bi até setembro.
 
 
  Serviços
Acordos e Convenções
Enquetes
Conquistas
Acesso Restrito Interno à Fetrafi-RS
Informativos da Fetrafi/RS
Minutas de Reivindicações
Notas Jurídicas
Ações Trabalhistas Fetrafi/RS
Moções aprovadas em eventos
 
 
Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Instituições Financeiras RS
Rua Cel. Fernando Machado nº 820
CEP 90010-320 - Bairro Centro Histórico - Porto Alegre, RS
Fone: (51) 3224-2000 | Fax (51) 3224-6706

Copyright © 2010 Fetrafi. Todos os direitos reservados.
 
Desenvolvimento IDEIAMAIS - Agregando Valor