Acesse o novo WebMail Fetrafi-RS
WebMail Fetrafi-RS
   Início        A Fetrafi-RS         Chat Jurídico         Diretoria         Estrutura         Sindicatos         Sistemas Fetrafi-RS    
Porto Alegre, 18\10\2018
Últimas Notícias
Cassi: eleita renuncia para fazer carreira
Compartilhe esta notícia no Twetter
Envie esta notícia por E-Mail
Saúde Suplementar | 13/06/2018 | 12:06:13
Cassi: eleita renuncia para fazer carreira
Suplente do Conselho Deliberativo, eleita na chapa Mais União, “deu de ombros” para a confiança depositada em sua pessoa, através dos votos dos associados, para assumir o cargo de assessora do diretor de Saúde e Rede de Atendimento.
 
 
A chapa vencedora da eleição na Cassi, a chapa Mais União – que antes mesmo da posse já se reunia com a direção do Banco do Brasil – deu mais uma prova da sua falta de comprometimento com os associados. A eleita suplente do Conselho Deliberativo renunciou ao cargo eletivo, menos de três meses depois de encerrada a eleição na caixa de assistência, para ser nomeada assessora do diretor de Saúde e Rede de Atendimento da Cassi, cargo de livre indicação.
"Infelizmente, o que comprovamos a cada dia é a total falta de comprometimento dos eleitos para com os associados da Cassi, da ativa e aposentados, que neles confiaram quando os elegeram como seus representantes. É inadmissível usar o funcionalismo do BB, desprezando os votos recebidos, para fazer carreira”, critica a dirigente do Sindicato e bancária do Banco do Brasil Priscilla Semencio.

Segundo a dirigente, a reunião realizada pela chapa eleita junto ao banco antes mesmo de sua posse, e agora a renúncia de um dos seus integrantes para fazer carreira, aumenta a desconfiança quanto à posição dos eleitos em relação a proposta do Banco do Brasil para a Cassi, que onera os associados e ameaça a sustentabilidade da caixa de assistência.

"Até agora os eleitos não declararam posição sobre a absurda proposta do Banco do Brasil para a Cassi, que onera associados, quebra o princípio da solidariedade, estabelece a contribuição por dependente, penaliza quem ganha menos e ameaça a própria sustentabilidade da caixa de assistência. A julgar pela proximidade com a diretoria do banco e a falta de comprometimento com aqueles que os elegeram, a demora para declarar posição sobre a proposta, embora lamentável, não surpreende”, critica Priscilla.

"O banco sabe que não aprovará essa proposta junto ao corpo social, em uma votação na qual a maioria dos associados precisa comparecer e dois terços destes teriam de votar pela proposta. O Sindicato, junto com as demais entidades representativas dos funcionários do BB, está atento, faz campanha contra a proposta e orienta a sua rejeição. Agora, o momento é de saber quem é quem. A diretoria eleita é favorável ou contrária a proposta? Ficar em cima do muro é o mesmo que jogar no time do banco”, conclui a dirigente.
 
Informações: Sindicato dos Bancários de São Paulo
 
 
Conteúdo    
 
 
 
Saúde Suplementar | 17/10/2018
Sindicatos protestam em defesa da Cassi e contra descomissionamentos no BB
​Dia Nacional de Luta ocorrerá nesta quinta-feira (18) em todo o país; funcionários querem que o banco retome negociações.
Saúde Suplementar | 15/10/2018
Entidades se reúnem para retomar debates sobre Cassi
Reunião aconteceu na Sede da Anabb em Brasília.
 
 
  Serviços
Acordos e Convenções
Enquetes
Conquistas
Acesso Restrito Interno à Fetrafi-RS
Informativos da Fetrafi/RS
Minutas de Reivindicações
Notas Jurídicas
Ações Trabalhistas Fetrafi/RS
Moções aprovadas em eventos
 
 
Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Instituições Financeiras RS
Rua Cel. Fernando Machado nº 820
CEP 90010-320 - Bairro Centro Histórico - Porto Alegre, RS
Fone: (51) 3224-2000 | Fax (51) 3224-6706

Copyright © 2010 Fetrafi. Todos os direitos reservados.
 
Desenvolvimento IDEIAMAIS - Agregando Valor