Acesse o novo WebMail Fetrafi-RS
WebMail Fetrafi-RS
   Início        A Fetrafi-RS         Chat Jurídico         Diretoria         Estrutura         Sindicatos         Sistemas Fetrafi-RS    
Porto Alegre, 22\02\2018
Últimas Notícias
Banco do Brasil tem a segunda reestruturação de quadro em dois anos
Compartilhe esta notícia no Twetter
Envie esta notícia por E-Mail
Geral | 11/01/2018 | 14:01:17
Banco do Brasil tem a segunda reestruturação de quadro em dois anos
O anúncio do programa que mexe com movimentações definidas na reestruturação do ano passado, deixou os funcionários perplexos
 
 
O Banco do Brasil reestrutura, novamente, o seu quadro funcional, lançando o PAQ (Programa de Adequação de Quadros). O anúncio foi feito na sexta-feira (5), na mesma semana em que o banco divulgou oPDG (Programa Extraordinário de Desempenho Gratificado).

De acordo com diretora da Fetrafi-Rs, Cristiana Garbinatto, o anúncio do PAQ deixou os funcionários perplexos e inseguros. "Desde sexta-feira recebo questionamentos sobre o que acontecerá com os colegas que ficarem excedentes nas dependências”, comenta. A diretora menciona que o BB mexeu em dotações. Em todo o país, agências algumas agência tiveram o número de vagas reduzido e outras ampliado. "No Rio Grande do Sul são 85 postos a menos”, informa.

Cristiana diz ainda que oPAQ desfaz algumas movimentações definidas na reestruturação do ano passado e reduz o número de caixas em todo o país. "Somente em Porto Alegre, a redução é de 16 postos. Reduziu um quadro já enxuto, pela segunda vez em dois anos”, afirma.

A diretora esclarece três questões importantes sobre o PAQ. A primeira, diz respeito à remuneração maior, durante um ano, para os funcionários transferidos para agências com dificuldade de vagas. Essa medida decorre do banco estar sem concurso válido há quase dois anos.

O segundo ponto, está relacionado ao PDV (Plano de Demissão Voluntária), onde os funcionários que estiverem em excesso poderão aderir. "Nesta situação, ao aderir ao PAQ, o funcionário recebe um incentivo remuneratório baixo e o BB se compromete a pagar o plano de saúde Cassi Família pelo período de um ano.”

A terceira questão trata de aposentadoria, com um incentivo financeiro àqueles que estiverem nos pré-requisitos e optarem por se aposentar.

A orientação, de acordo com Cristiana, é que os funcionários não aceitem pressão e que busquem seus direitos. "A CLT é clara. Não existe adesão compulsória ao Programa. Poderá aderir quem quiser”, ressalta, criticando a forma como as novas medidas foram divulgadas e os erros de gestão.

Cortes de vagas em todo o país

Em todo o país, segundo o coordenador da Comissão de Empresa de Funcionários do Banco do Brasil (CEBB), Wagner Nascimento, houve o corte de cerca de mil vagas de caixa em todo o país. Segundo ele, o banco alega que essas vagas apareceriam em escritórios e agências digitais. "Na prática, os escritórios digitais perderam funções de assistentes e ganharam de escriturários, que farão os mesmos serviços, mas ganhando menos. Isso é desvio de função! É ilegal. Ou seja, o banco corta cargos, reduz salários, cria desvio de função nos escritórios digitais e ainda diz que isso não é reestruturação”, completou. Nascimento critica a falta de transparência e de diálogo e lembra que na quinta-feira (4) houve uma reunião com a direção do banco e que nada foi dito sobre as mudanças que foram anunciadas na sexta-feira.

Minha vaga foi extinta e não quero aderir ao PAQ, e agora?

O BB encerrou atividades na sua cidade?

Neste caso, poderá ocorrer a transferência compulsória, caso o funcionário não faça a escolha pela agência de sua preferência dentre as que possuem vaga.

O BB não encerrou as atividades?

Se há vaga na mesma cidade, poderá ocorrer a transferência compulsória. Se não houver vaga, o funcionário permanece na agência, em excesso, como escriturário.

O funcionário poderá escolher o local da transferência?

Sim, desde que seja em uma cidade onde o BB oferece vagas. Caso, contrário o BB define a localidade.


 
 
Conteúdo    
 
 
 
Geral | 18/01/2018
BB: Problema na verba da incorporação de função será corrigido
Por falha no processamento, verba 480 não apareceu na folha de pagamento; problema foi detectado e será corrigido até dia 20
Geral | 18/01/2018
"Investigações devem prosseguir, mas é preciso atenção ao jogo político"
Para Rita Serrano, representante dos empregados no Conselho de Administração do banco, interesses privatistas e disputas internas enfraquecem a instituição
 
 
  Serviços
Acordos e Convenções
Enquetes
Conquistas
Acesso Restrito Interno à Fetrafi-RS
Informativos da Fetrafi/RS
Minutas de Reivindicações
Notas Jurídicas
Ações Trabalhistas Fetrafi/RS
Moções aprovadas em eventos
 
 
Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Instituições Financeiras RS
Rua Cel. Fernando Machado nº 820
CEP 90010-320 - Bairro Centro Histórico - Porto Alegre, RS
Fone: (51) 3224-2000 | Fax (51) 3224-6706

Copyright © 2010 Fetrafi. Todos os direitos reservados.
 
Desenvolvimento IDEIAMAIS - Agregando Valor