Acesse o novo WebMail Fetrafi-RS
WebMail Fetrafi-RS
   Início        A Fetrafi-RS         Diretoria         Estrutura         Sindicatos         Sistemas Fetrafi-RS    
Porto Alegre, 23\10\2017
Últimas Notícias
Começou o desmonte do Banrisul
Compartilhe esta notícia no Twetter
Envie esta notícia por E-Mail
Bancos | 06/10/2017 | 17:10:41
Começou o desmonte do Banrisul
A principal instituição financeira voltada para o desenvolvimento regional do Rio Grande do Sul, agora passa a ser parcialmente público.
 
 

A principal instituição financeira voltada para o desenvolvimento regional do Rio Grande do Sul, agora passa a ser parcialmente público. Com a venda das ações ordinárias, anunciada pelo governador Sartori esta semana, o Banrisul dará poder de decisão aos acionistas. Neste novo cenário, a política do banco deverá sofrer mudanças, com o inevitável enfraquecimento de sua função social.

A decisão do governo do Estado é vender 48,57% das ações ordinárias do Banco (com direito a voto) e dos 14,2% de ações preferenciais (sem direito a voto), que ainda estão em seu poder. As ações ordinárias são as que definem o controle acionário da instituição. O objetivo do governo é engordar o orçamento com cerca de R$ 2,6 bilhões. A cifra parece grande, mas, de fato, é suficiente apenas para pagar duas folhas do funcionalismo público gaúcho. Em contrapartida, o governo abre mão também dos lucros do Banco que ingressam no caixa único.

De acordo com a diretora da Fetrafi-RS, Denise Falkenberg Correa, a decisão do governo Sartori vai representar um retrocesso imenso para a sociedade gaúcha. Ela lembra que o Rio Grande do Sul já adotou políticas semelhantes de venda do patrimônio público, que não foram revertidas em benefícios para a sociedade. "O Rio Grande do Sul empobreceu, sua divida aumentou e o Estado passou a ser cada vez mais desigual”, lamenta. O também diretor da Federação, Carlos Augusto Oliveira Rocha, destaca que a medida imposta pelo governador Sartori vai colocar todos os dividendos do Banrisul na mão dos acionistas. "O banco ficará sem função social. Será apenas uma carcaça daquele que foi um grande banco aqui no Estado”, afirma.

Mobilização – Diante de mais este ataque contra os interesses da sociedade gaúcha, é urgente que os banrisulenses e demais trabalhadores dos Bancos públicos se unam para lutar e resistir contra a sanha dos governos neoliberais em entregar o patrimônio público. Na próxima segunda-feira, dia 9 de outubro, a partir das 16h, em frente à sede da Direção Geral do Banco, no Centro de Porto Alegre, acontece a Mobilização em Defesa do Banrisul Público. Após esse ato, os bancários sairão em caminhada para o Lançamento da Frente Parlamentar em Defesa dos Bancos Públicos, que começa às 18h30, na sede da Fetrafi-RS. Participe!

Crédito: Sul 21

 
 
Conteúdo    
 
 
 
Bancos | 18/10/2017
Bancários vestem “vermelho de raiva” e denunciam desmonte para venda da Caixa
Ato marcou o Dia Nacional de Luta em Defesa dos Bancos Públicos
Bancos | 16/10/2017
Com rumores de privatização, empregados organizam ato em defesa da Caixa 100% Pública
Ato vai acontecer na próxima quarta-feira, dia 18, às 13 horas, em frente à agência da Caixa, situada na Praça da Alfândega
 
 
  Serviços
Acordos e Convenções
Enquetes
Conquistas
Acesso Restrito Interno à Fetrafi-RS
Informativos da Fetrafi/RS
Minutas de Reivindicações
Notas Jurídicas
Ações Trabalhistas Fetrafi/RS
Moções aprovadas em eventos
 
 
Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Instituições Financeiras RS
Rua Cel. Fernando Machado nº 820
CEP 90010-320 - Bairro Centro Histórico - Porto Alegre, RS
Fone: (51) 3224-2000 | Fax (51) 3224-6706

Copyright © 2010 Fetrafi. Todos os direitos reservados.
 
Desenvolvimento IDEIAMAIS - Agregando Valor